Translate

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

FALTA DE ÁGUA



FALTA D'ÁGUA


Cientista confirma previsões da Bíblia

O Senhor Jesus disse que "o amor de muitos esfriará e a fome que atinge milhões de pessoas em todo o planeta é uma prova disso. Na África crianças morrem diariamente por falta de comida.
O Senhor Jesus disse que “o amor de muitos esfriará” e a fome que atinge milhões de pessoas em todo o planeta é uma prova disso. Na África, crianças morrem diariamente por falta de comida.

Principal assessor do governo inglês afirma que vão faltar água, alimentos e energia para toda a população.
A agência de notícias BBC Brasil divulgou matéria informando que o aumento da população mundial e das demandas por água, energia e alimentos poderão provocar uma “catástrofe” em 2030, segundo previsões do principal conselheiro científico do governo britânico.
John Beddington descreveu a situação como uma “tempestade perfeita”, termo usado quando uma combinação de fatores torna uma tempestade que, por si só, não teria tanto efeito, em algo muito mais poderoso. A analogia também é usada para descrever crises econômicas, informa a agência.
Segundo Beddington, com a população mundial estimada em 8,3 bilhões de pessoas em 2030, a demanda por alimentos e energia deve aumentar em 50%, e por água potável deve aumentar em 30%.As mudanças climáticas devem piorar ainda mais a situação, vai advertir o cientista nesta quinta-feira, na conferência Desenvolvimento Sustentável RU 09, em Londres.
Essas e outras previsões catastróficas estão registradas na Bíblia Sagrada. Em Mateus 24: 4, o Senhor Jesus afirma aos discípulos: “Acautelai-vos, que ninguém vos engane, porque muitos virão em meu nome dizendo: Eu sou o Cristo e enganarão a muitos. E ouvireis de guerras e de rumores de guerras; olhai, não vos assusteis, porque é mister que isso tudo aconteça, mas ainda não é o fim. Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá fomes, e pestes, e terremotos em vários lugares. Mas todas estas coisas são o princípio das dores”.
O cientista britânico diz: “Não vai haver um colapso total, mas as coisas vão começar a ficar realmente preocupantes se não combatermos esses problemas”, afirma Beddington. “Minha principal preocupação é com o que vai ocorrer internacionalmente, vai haver falta de alimentos e de água”, prevê o cientista.”O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma) prevê falta de água generalizada na África, Ásia e Europa até 2025. A quantia de água potável disponível por habitante deve diminuir dramaticamente neste período.



Os que não são cristãos tem dificuldade em acreditar que estamos vivendo nos últimos dias da história de esta Terra. A Bíblia diz em 2 Pedro 3:3-4 “Sabendo primeiro isto, que nos últimos dias virão escarnecedores com zombaria andando segundo as suas próprias concupiscências, e dizendo: Onde está a promessa da sua vinda? porque desde que os pais dormiram, todas as coisas permanecem como desde o princípio da criação.” A vinda do anticristo é um sinal do fim. A Bíblia diz em 1 João 2:18 “Filhinhos, esta é a última hora; e, conforme ouvistes que vem o anticristo, já muitos anticristos se têm levantado; por onde conhecemos que é a última hora.”
Que disse Jesus sobre quando o fim do mundo chegaría? A Bíblia diz em Mateus 24:14 “E este evangelho do reino será pregado no mundo inteiro, em testemunho a todas as nações, e então virá o fim.”
Nos últimos dias haverão homens fazendo-se passar por Jesus para nos enganar, A Bíblia diz em Mateus 24:23-24 “Se, pois, alguém vos disser: Eis aqui o Cristo! ou: Ei-lo aí! não acrediteis; porque hão de surgir falsos cristos e falsos profetas, e farão grandes sinais e prodígios; de modo que, se possível fora, enganariam até os escolhidos.”
Haverá sinais no sol, na lua e nas estrelas. A Bíblia diz em Mateus 24:29-30 “Logo depois da tribulação daqueles dias, escurecerá o sol, e a lua não dará a sua luz; as estrelas cairão do céu e os poderes dos céus serão abalados. Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem, e todas as tribos da terra se lamentarão, e verão vir o Filho do homem sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória.”
Em que condição moral estará a nossa sociedade nos últimos dias? A Bíblia diz em 2 Timóteo 3:1-5 “Sabe, porém, isto, que nos últimos dias sobrevirão tempos penosos; pois os homens serão amantes de si mesmos, gananciosos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a seus pais, ingratos, ímpios, sem afeição natural, implacáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, inimigos do bem, traidores, atrevidos, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, tendo aparência de piedade, mas negando-lhe o poder. Afasta- te também desses.”
Um aumento em conhecimento e habilidade de viajar é um sinal dos últimos dias. A Bíblia diz em Daniel 12:4 “Tu, porém, Daniel, cerra as palavras e sela o livro, até o fim do tempo; muitos correrão de uma parte para outra, e a ciência se multiplicará.”
Que outros sinais dos últimos dias menciona a Bíblia? A Bíblia diz em Lucas 21:25-26 “E haverá sinais no sol, na lua e nas estrelas; e sobre a terra haverá angústia das nações em perplexidade pelo bramido do mar e das ondas. Os homens desfalecerão de terror, e pela expectação das coisas que sobrevirão ao mundo; porquanto os poderes do céu serão abalados.”
Conversaçôes sobre paz e segurança é outro sinal dos últimos dias. A Bíblia diz em 1 Tessalonicenses 5:2-3 “Porque vós mesmos sabeis perfeitamente que o dia do Senhor virá como vem o ladrão de noite; pois quando estiverem dizendo: Paz e segurança! então lhes sobrevirá repentina destruição, como as dores de parto àquela que está grávida; e de modo nenhum escaparão.”
Que devem as pessoas fazer quando veem estes sinais? A Bíblia diz em Mateus 24:42-44 “Vigiai, pois, porque não sabeis em que dia vem o vosso Senhor; sabei, porém, isto: se o dono da casa soubesse a que vigília da noite havia de vir o ladrão, vigiaria e não deixaria minar a sua casa. Por isso ficai também vós apercebidos; porque numa hora em que não penseis, virá o Filho do homem.”


A água na Bíblia
De 26 a 31 de agosto decorre em Estocolmo, na Suécia, a Semana Mundial da Água. Essencial à vida, a água está no centro de inúmeras narrativas históricas da Bíblia e em seu torno foram construídas imagens e alusões.
A precipitação média de chuva na Palestina é suficiente para a agricultura, mas o país tem falta de rios, de correntes de água perene e de lagos, sendo, por isso, mais árido do que a Europa ou a maior parte das Américas. A estepe e o deserto são realidades próximas. Daí a Bíblia demonstrar uma clara consciência do valor da água e das terríveis consequências da sua falta.
A água é assegurada pelos poços e nascentes, ou pela conservação da água da chuva em cisternas. A Bíblia menciona muitas cisternas situadas em diversas cidades: Guibeon (2 Samuel 2,12), Hebron (2 Samuel 4,12), Samaria (1 Reis 22,38), Jerusalém (Isaías 7,3; 22,9.11; 36,2; Neemias 2,14; João 5,2-4; 9,7.11).
A arqueologia descobriu uma quantidade de complexas instalações hidráulicas para a canalização e o depósito de água, proveniente de fontes, poços ou da chuva. A água era vendida nas ruas da antiga Jerusalém (Isaías 55,1), como acontece ainda hoje nas cidades do Médio Oriente.
Os direitos sobre a água foram muitas vezes ocasião de litígios, e podiam ser conseguidos mediante pagamento (Números 20,19).
FotoPaul Nicklen, National Geographic
Devido à escassez, a cortesia exigia que se desse de beber ao vajante sedento, mesmo que fosse preciso tirá-la de um poço profundo (Génesis 24,17; Job 22,7; saías 32,6; Mateus 10,42; 25,42; Marcos 9,41; Lucas 744; João 4,7).
A qualidade refrescante da água não é ignorada pelo poeta (Salmo 23,2; 42,2; Provérbios 25,25).
FotoSaurabh Das/Associated Press
A “água viva”, isto é, a água de poço ou de fonte ou de corrente era referida à das piscinas ou cisternas.
Tirar a água é um serviço da mulher (Génesis 24,11; 1 Samuel 9,11; João 4,7), como se nota ainda hoje nas cidades e aldeias do Médio Oriente. Por isso se compreende a indicação de Jesus, segundo a qual os seus discípulos devem procurar um homem levando uma bilha de água (Marcos 14,14; Lucas 22,10).
A água é usada nas abluções cultuais; é o elemento fundamental da iniciação cristã no baptismo, no qual é posto em evidência todo o seu simbolismo.
FotoK.M.Chaudary/Associated Press
A água tem um significado cósmico, estando relacionada com o caos primitivo. A água é o elemento primordial (Génesis 1,2). Não é mencionada entre as obras da criação, mas é pressuposta.
Na história do paraíso, o crescimento da vegetação começa com o correr dos quatro rios o paraíso (Génesis 2,10 ss.).
FotoChina Daily/Reuters
No conjunto das imagens bíblicas, a água é vida e salvação. Os actos salvíficos de Iahweh em favor de Israel são comparados á produção de água, especialmente àquela que brota no deserto (Isaías 35,7; 41,18; 43,19; 44,3). O israelita que se sente separado de Iahweh é como um deserto árido (Salmo 63,2; 143,6). Iahweh é uma fonte de água viva (Jeremias 2,13; 17,13).
FotoJohn Stanmeyer, VII, National Geographic
Jesus aplica a imagem da água a si próprio, prometendo dar água viva, que é a vida eterna (João 4,10.13 s.; 7,37-39).
O amor e a providência de Iahweh expressam-se na sua condução para águas tranquilas (Salmo 23,2).
O justo é como uma árvore plantada junto da água corrente, que não morre (Salmo 1,3; Jeremias 17,8).
FotoYusuf Ahmad/Reuters
O rei justo é uma bênção para o seu povo como as torrentes de água em terra seca (Isaías 32,2).
Os prazeres do amor são comparados à água refrescante, na admoestação ao marido para que beba água da sua própria cisterna (Provérbios 5,15).
FotoThomas P. Peschak, National Geographic
A Jerusalém do fim dos tempos não é concebível sem o seu rio de água viva. Ezequiel 47,1-12 vê uma fonte que jorra do templo e se torna um rio extenso na sua passagem pelo vale do Jordão, regenerando a vida do país. Esta imagem é retomada em Apocalipse 22,1, no rio de água viva, que brota debaixo do trono na nova Jerusalém.
Em Apocalipse 7,17; 21,6, a salvação dos justos consiste em beber da fonte de água da vida.
FotoAlbert Gonzalez Farran/AFP/Getty Images
As imagens da água aparecem noutras ocasiões: é o símbolo do que perece. Job esquecerá a sua miséria como águas passadas (Job 11,6). Os seres humanos são mortais, são como água derramada na terra (2 Samuel 14,14). O salmista pede que o ímpio se dilua como água que escorre (Salmo 58,8).
FotoAnupam Nath/Associated Press
A água é também sinal de ameaça destruidora, como sucede na conceção do mar e na história do dilúvio. O trovão de muitos povos (Isaías 17,12) e as águas que inundam Israel (Isaías 28,2.17) significam a invasão dos inimigos. A Assíria inunda Israel como um rio impetuoso (Isaías 8,7 ss.). As águas vêm do Norte como um aluvião (Jeremias 47,2). Os profetas recorrem ao simbolismo do mar caótico para descrever o cataclismo futuro: as “águas impetuosas” destroem a ordem existente. A mesma imagem é aplicada também nas aflições pessoas (Salmo 32,6; 69,3.16); a libertação é concedida quando Iahweh tira o orante das “águas torrenciais”.
FotoAbd Raouf/Associated Press
Estes dois temas encontram-se fundidos no batismo: a imersão na água é a morte do neófito para o pecado e para si mesmo; mas a água é, simultaneamente, água da vida eterna.
FotoVahid Salemi/Associated Press

Algumas passagens bíblicas
No princípio, quando Deus criou os céus e a terra, a terra era informe e vazia, as trevas cobriam o abismo e o espírito de Deus movia-se sobre a superfície das águas. (Génesis 1)
FotoTim Laman, National Geographic
Deus disse: «Que as águas sejam povoadas de inúmeros seres vivos» (Génesis 1)
Ao cabo de sete dias, as águas do dilúvio submergiram a Terra. Tendo Noé seiscentos anos de vida, no dia dezassete do segundo mês, nesse dia romperam-se todas as fontes do grande abismo, e abriram-se as cataratas do céu. A chuva caiu sobre a terra durante quarenta dias e quarenta noites. (Génesis 7)
FotoDiptendu Dutta/AFP/Getty Images
Estabeleço convosco esta aliança: não mais criatura alguma será exterminada pelas águas do dilúvio e não haverá jamais outro dilúvio para destruir a Terra. (Génesis 9)
E se suceder que não acreditem nestes dois sinais nem escutem a tua voz, tomarás da água do rio e derramá-la-ás sobre a terra seca; e a água que tiveres tirado do rio transformar-se-á em sangue sobre a terra seca. (Êxodo 4)
FotoMuhammed Muheisen/Associated Press
Moisés estendeu a sua mão sobre o mar, e o Senhor fez recuar o mar com um vento forte de oriente toda a noite, e pôs o mar a seco. As águas dividiram-se, e os filhos de Israel entraram pelo meio do mar, por terra seca, e as águas eram para eles um muro à sua direita e à sua esquerda. O Senhor disse a Moisés: «Estende a tua mão sobre o mar, e que as águas voltem sobre os egípcios, sobre os seus carros de guerra e sobre os seus cavaleiros.» Moisés estendeu a sua mão sobre o mar, e o mar voltou ao seu leito normal, ao raiar da manhã, e os egípcios a fugir foram ao seu encontro. E o Senhor desfez-se dos egípcios no meio do mar. As águas voltaram e cobriram os carros de guerra e os cavaleiros; de todo o exército do faraó que entrou atrás deles no mar, não ficou nenhum. (Êxodo 14)
FotoJames A. Sugar, National Geographic
O povo litigou com Moisés, e disse: «Dá-nos água para beber.» Disse-lhes Moisés: «Porque litigais comigo? Porque pondes o Senhor à prova?» Ali o povo teve sede de água, e murmurou contra Moisés, dizendo: «Porque nos fizeste subir do Egito para nos fazer morrer à sede, a nós, aos nossos filhos e ao nosso gado?» (Êxodo 17, 2-4)
FotoAamir Qureshi/AFP/Getty Images
Quem se sentar no lugar em que se sentou aquele que tem o fluxo, lavará as vestes, banhar-se-á em água e ficará impuro até à tarde. Aquele que tocar no corpo do que tem o fluxo, lavará as vestes, banhar-se-á em água e ficará impuro até à tarde. (Levítico 6)
Tu e Aarão, teu irmão, falareis ao rochedo diante de todos, e ele dará as suas águas; farás jorrar para eles água do rochedo e darás de beber à assembleia e seus rebanhos. Estas são as águas de Meribá, onde os filhos de Israel discutiram com o Senhor e Ele lhes mostrou a sua santidade. (Números 20)
FotoPaul Nicklen, National Geographic
Derrame-se como chuva o meu ensinamento, espalhe-se como orvalho a minha palavra, como aguaceiros sobre a erva, como chuvisco sobre a relva! (Deuteronómio 32)
Quando morremos, somos como a água que, uma vez derramada na terra, não mais se pode recolher. (2 Samuel)
FotoBrent Lewin/Bloomberg
Todo o exército dos assírios, a infantaria, os carros de combate e os cavaleiros mantiveram o cerco durante trinta e quatro dias, até que todos os recipientes de água dos habitantes de Betúlia ficaram vazios; as suas cisternas começaram a ficar esgotadas, sem água para poderem beber a sua porção diária, uma vez que a água era racionada. As crianças mais pequenas estavam abatidas e as mulheres e os jovens começaram a desfalecer de sede e a cair pelas ruas e às portas da cidade. Estavam no limite das suas forças. (Judite 7)
FotoAlastair Grant/Associated Press
Então clamaram a Deus e, quando levantaram a voz, eis que uma pequena fonte se transformou num grande rio, com grande abundância de água. (Ester 1)
O Senhor é meu pastor: nada me falta. Em verdes prados me faz descansar e conduz-me às águas refrescantes. (Salmo 23)
FotoSimon Chandra/AFP/Getty Images
A minha alma tem sede de ti; todo o meu ser anela por ti, como terra árida, exausta e sem água. (Salmo 6)
Das tuas altas moradas regas as montanhas; com a bênção da chuva sacias a terra. (Salmo 1)
FotoOli Scarff/Getty Images
«Regarei as plantas do meu jardim e saciarei de água os meus canteiros.» E eis que o meu curso de água se tornou um rio, e o meu rio se tornou um mar. (Ben-Sirá, 24)
Os pobres e os necessitados buscam água e não a encontram. Têm a língua ressequida pela sede. Mas Eu, o Senhor, os atenderei. (Isaías 41)
FotoJustin Falls/Daily News-Record/Associated Press
Todos vós que tendes sede, vinde beber desta água. Mesmo os que não tendes dinheiro, vinde. (Isaías 55)
Assim como a chuva e a neve descem do céu, e não voltam mais para lá, senão depois de empapar a terra, de a fecundar e fazer germinar, para que dê semente ao semeador e pão para comer, o mesmo sucede à palavra que sai da minha boca: não voltará para mim vazia, sem ter realizado a minha vontade e sem cumprir a sua missão. (Isaías 55)
FotoJohn Stanmeyer, VII, National Geographic
O meu povo cometeu um duplo crime:abandonou-me, a mim, nascente de águas vivas, e construiu cisternas para si, cisternas rotas, que não podem reter as águas. (Jeremias 2)
Derramarei sobre vós uma água pura, e sereis purificados. (Ezequiel 36)
FotoP Deliss/Godong/Corbis
Eu batizo-vos com água, para vos mover à conversão; mas aquele que vem depois de mim é mais poderoso do que eu e não sou digno de lhe descalçar as sandálias. (Mateus 3)
Uma vez batizado, Jesus saiu da água e eis que se rasgaram os céus, e viu o Espírito de Deus descer como uma pomba e vir sobre Ele. E uma voz vinda do Céu dizia: «Este é o meu Filho muito amado, no qual pus todo o meu agrado.» (Mateus 3)
FotoAP Photo/Altaf Qadri
De madrugada, Jesus foi ter com eles, caminhando sobre o mar. Pedro disse-lhe: «Se és Tu, Senhor, manda-me ir ter contigo sobre as águas.» «Vem» - disse-lhe Jesus. E Pedro, descendo do barco, caminhou sobre as águas para ir ter com Jesus. Mas, sentindo a violência do vento, teve medo e, começando a ir ao fundo, gritou: «Salva-me, Senhor!» Imediatamente Jesus estendeu-lhe a mão, segurou-o e disse-lhe: «Homem de pouca fé, porque duvidaste?» (Mateus 14)
FotoHans Strand, National Geographic
Pilatos, vendo que nada conseguia e que o tumulto aumentava cada vez mais, mandou vir água e lavou as mãos na presença da multidão, dizendo: «Estou inocente deste sangue. Isso é convosco.» (Mateus 27)
FotoBobby Haas, National Geographic
Seja quem for que vos der a beber um copo de água por serdes de Cristo, em verdade vos digo que não perderá a sua recompensa. (Marcos 9)
Foto
Vês esta mulher? Entrei em tua casa e não me deste água para os pés; ela, porém, banhou-me os pés com as suas lágrimas e enxugou-os com os seus cabelos. (Lucas 7)
FotoSTR/AFP/Getty Images
Disse-lhes Jesus: «Enchei as vasilhas de água.» Eles encheram-nas até cima. Então ordenou-lhes: «Tirai agora e levai ao chefe de mesa.» E eles assim fizeram. O chefe de mesa provou a água transformada em vinho, sem saber de onde era - se bem que o soubessem os serventes que tinham tirado a água. (João 2)
FotoCamille Seaman, National Geographic
Jesus, cansado da caminhada, sentou-se, sem mais, na borda do poço. Entretanto, chegou certa mulher samaritana para tirar água. Disse-lhe Jesus: «Dá-me de beber.». Disse-lhe a mulher: «Senhor, não tens sequer um balde e o poço é fundo... Onde consegues, então, a água viva? Replicou-lhe Jesus: «Todo aquele que bebe desta água voltará a ter sede; mas, quem beber da água que Eu lhe der, nunca mais terá sede: a água que Eu lhe der há de tornar-se nele em fonte de água que dá a vida eterna» (João 4)
FotoReuters/Nicky Loh
Se alguém tem sede, venha a mim; e quem crê em mim que sacie a sua sede! Como diz a Escritura, hão de correr do seu coração rios de água viva. (João 7)
FotoCuauhtemoc Beltran, National Geographic
Jesus deitou água na bacia e começou a lavar os pés aos discípulos e a enxugá-los com a toalha que atara à cintura. Chegou, pois, a Simão Pedro. Este disse-lhe: «Senhor, Tu é que me lavas os pés?» Jesus respondeu-lhe: «O que Eu estou a fazer tu não o entendes por agora, mas hás de compreendê-lo depois.» Disse-lhe Pedro: «Não! Tu nunca me hás de lavar os pés!» Replicou-lhe Jesus: «Se Eu não te lavar, nada terás a haver comigo.» Disse-lhe, então, Simão Pedro: «Ó Senhor! Não só os pés, mas também as mãos e a cabeça!» Respondeu-lhe Jesus: «Quem tomou banho não precisa de lavar senão os pés, pois está todo limpo. E vós estais limpos, mas não todos.» (João 13)
FotoEranga Jayawardena/Associated Press
De uma mesma boca procedem a bênção e a maldição.Mas isto não deve ser assim, meus irmãos. Porventura uma fonte lança pela mesma bica água doce e água salgada? (Tiago 3)
FotoBates Littlehales, National Geographic
O que tem sede que se aproxime; e o que deseja beba gratuitamente da água da vida. (Apocalipse, 22)


 Fontes:  http://biblia.com.br/perguntas-biblicas/ultimos-dias/o-que-a-biblia-diz-sobre-os-ultimos-dias/
              http://www.jw.org/pt/publicacoes/revistas/g201210/os-ultimos-dias/
              https://palavradevitoria.wordpress.com/2009/03/21/cientista-confirma-previsoes-da-biblia/
              http://www.bibliaon.com/a_seca_a_fome_a_espada/
              http://www.snpcultura.org/agua_na_biblia.html
              http://casadosenhor.com.br/estudo/?id=159
              http://www.mundosustentavel.com.br/wp-content/uploads/2011/05/agua.pdf
              http://estudosbiblicosonline.com.br/?p=580
                


...............................................................................................................................




...................................................................................... .................................................................................... ....................................................................................
Get your own Chat Box! Go Large!
Postar um comentário

Confira Também:

UNIÃO DAS IGREJAS

A UNIDADE CRISTÃ "...HAVERÁ UM REBANHO E UM PASTOR" (JOÃO 10:16) Fala-se muito atualmente em união de igrejas, aproximação d...